Histórico da EMEF Quintino Rizzieri


A EMEF Quintino Rizzieri foi fundada em 27 de abril de 1979, na época, denominada Escola Reunida  Quintino Rizzieri.
Compunham o grupo  de pioneiros os seguintes professores, com suas respectivas turmas:
*  Madalena  Borges (in memoriam) - 1ª série
*  Tônia Mariza Dagostim Da Silva -1ª série
*  Océlia Rabelo – 2ª e 3ª séries
*  Adelíria Marcelo – 4ª série

      O prédio original  da escola era constituído de 2 salas de aula, 4 banheiros (2 masculinos e  2  femininos), 1 cozinha, 1 área coberta e 1 sala de professores. O pátio não era murado.
Desde o inicio, para que a comunidade pudesse interagir com os trabalhos escolares, foi criada a APP, tendo como Presidente o Senhor Antonio Dal Toe.
Em 1981, este estabelecimento de ensino passou a ser chamado de Grupo Escolar  Quintino Rizzieri e desde então, para que as instalações atendessem às necessidades apresentadas pelo aumento da demanda de  alunos, algumas reformas aconteceram. São citadas como exemplo: construção de  1 sala de aula, 1 banheiro e 1 depósito  em agosto de 1988; construção de 1 sala de aula, 2 banheiros e uma área coberta  em agosto de 1991, seguida da construção de 4 salas em 2 pisos. Durante  a  gestão de 1989 à 1992 foram completados  os dois pisos com mais 4 salas de aula e, com a medida que as necessidades surgiam , outras mudanças surgiam, conforme se percebe até hoje.
Em 02 de abril de 1992 a instituição passou de Grupo Escolar para Escola Básica, atendendo alunos de 5ª Séries. No ano de 1993, já  constatavam  no quadro de turmas: 3 quintas e  2 sextas séries; em 1994, 2 quintas, 3 sextas e 2 sétimas  séries e  em 1995  foi formada, também 1 turma de oitava série.
O sucesso na história desse estabelecimento de ensino, além de todos os professores  e membros da comunidade que contribuíram  para tal, deve-se às diretoras que tiveram a oportunidade de fazer parte desses 31 anos. São Elas:

* Cacilda Ramos, de 1979 a 1982;
* Maurina Silvano, de 1983 a 1985;
* Maria da Gloria Barros, 1986;
* Iara Amandio Martinez,1987;
* Maria Conceição Búrigo Lima,1988;
* Celina Sartor, de 1989 a 1996;
* Jaqueline dos Santos, de 1997 a 2000;
* Lenir Pacheco Galindro, de 2001 a 2008;
* Jaqueline dos Santos, desde 2009.


(Adaptação do texto escrito para as comemorações do Jubileu de Prata da Escola em 2004)